mais menos | | Mais
Deus Pai chamou a Si o primeiro Bispo de Setúbal

Breve nota biográfica de Dom Manuel da Silva Martins

AFPS | 25/09/2017 01:09
Dom Manuel da Silva Martins nasceu a 20 de Janeiro de 1927 em Leça do Balio, Concelho de Matosinhos, Distrito e Diocese do Porto.

Fez os seus estudos nos Seminários do Porto e na Universidade Gregoriana, em Roma.

Foi ordenado  presbítero em 12/08/1951.

Começou a sua atividade como professor de Direito Canónico no Seminário maior do Porto, de que foi Vice-Reitor.

De 1960 a 1969 foi pároco de Cedofeita, Porto.

Em 1969 foi nomeado Vigário-Geral da diocese do Porto.

Em 16 de Julho de1975, foi nomeado o 1º Bispo da diocese de Setúbal, nesse mesmo dia criada pelo Papa Paulo VI.

Em 26 de Outubro do mesmo ano foi ordenado Bispo na Sé de Setúbal pelo então Bispo do Porto, D. António Ferreira Gomes e tomou posse como Bispo de Setúbal.

Na Conferência Episcopal, foi Presidente da Comissão da Ação Social e Caritativa e da Comissão das Migrações e Turismo.

Foi Presidente da Secção Portuguesa da Pax Christi e da Fundação SPES.

Em 23 de Abril de 1998, o Santo Padre aceitou o seu pedido de dispensa de presidir à diocese de Setúbal.

Várias autarquias o nomearam "cidadão honorário", condecorando-o com medalhas de mérito e foi dado o seu nome a uma Escola Secundária em Setúbal e ao Polo-Sul da Universidade Moderna.

Empenhou-se na causa da independência de Timor-Leste, tendo discursado na Assembleia Geral das Nações Unidas e recebido a Medalha da Ordem de Timor, em 20 de maio de 2015.

Foi nomeado Doutor "honoris causa" pela Universidade Lusíada.

Foi agraciado com a grã-cruz da Ordem de Cristo pelo Presidente da República, durante as comemorações do 10 de Junho de 2007, em Setúbal, e com o Galardão dos Direitos Humanos da Assembleia da República em 10 de Dezembro de 2008.

(Foto: LUSA)

Comentários